Em aniversário do menino Edson Davi, família faz novo protesto no Rio

Publicado em

No Posto 4 da Praia da Barra, Zona Oeste do Rio de Janeiro, um grupo de familiares e amigos do menino Edson Davi se reuniram em um comovente protesto, exigindo respostas sobre o desaparecimento do jovem e homenageando-o no que seria seu aniversário, celebrado no último domingo (25/2).

Em meio a cartazes erguidos, os parentes de Edson manifestaram sua perplexidade diante do mistério que envolve o sumiço do jovem. “Como pode ser afogamento com uma praia vazia e dois bombeiros de plantão?”, afirmou um.

A mãe de Edson, Marize Araújo, sustenta a possibilidade de sequestro, fundamentada em detalhes intrigantes. Segundo parentes, o menino jamais se aventuraria sozinho no mar, seguindo as orientações dos pais.

Além disso, testemunhas afirmam tê-lo visto em uma parte da praia pouco habitual, fortalecendo a suspeita de que possa ter sido atraído ou coagido a seguir um caminho diferente.

Relembre o caso de Edson Davi

Desde o desaparecimento de Edson, registrado em (4/1) na Barra da Tijuca, imagens obtidas pela equipe de investigação mostram que às 16h47 no dia de seu desaparecimento o menino estava próximo a barraca do pai, com o cabelo seco, momentos antes de seu sumiço.

Às 15h, banhistas tiraram fotos onde ele estaria brincando com outras duas crianças na praia, acompanhado de um estrangeiro. No entanto, suspeitas sobre o estrangeiro e  foram rapidamente descartadas após investigações mais aprofundadas, mostrando imagens do indivíduo voltando para o hotel com as duas crianças.

Com as imagens de Edson próximo à barraca de seu pai, indicam que o desaparecimento pode ter ocorrido antes de qualquer contato com a água. Essa descoberta reforça a possibilidade de que o garoto tenha sido levado à força, corroborando as suspeitas levantadas por sua família.

A Delegacia de Descoberta de Paradeiros (DDPA) não considera o desaparecimento como um sequestro, mas sim que a criança foi vítima de afogamento.

Busca por respostas persiste

Apesar das diferentes linhas de investigação, a família de Edson Davi mantém-se firme em sua busca por respostas. O protesto realizado na Praia da Barra não apenas expressou a dor e a perplexidade de seus familiares, mas também serviu como um apelo público por justiça e esclarecimento.

Foto: Gabriel Salotti / Agência O Dia/ *Metrópoles

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe

Assine Grátis!

spot_imgspot_img

Popular

Relacionandos
Artigos

%d blogueiros gostam disto: