Fabricante de bolas de golfe de Taiwan é multado após incêndio matar 9 pessoas

Publicado em

As autoridades de Taiwan multaram um fabricante de bolas de golfe em 2,4 milhões de novos dólares taiwaneses (cerca de R$ 370 mil) nesta segunda-feira, 25, por armazenar 30 vezes o limite legal de materiais perigosos, depois que um grande incêndio na fábrica matou nove pessoas e deixou um desaparecido na última sexta-feira, 22.

O prefeito do condado de Pingtung disse em entrevista coletiva que a Launch Technologies Co. tinha 3 mil toneladas de peróxidos orgânicos no local, muito mais do que as 100 toneladas de materiais perigosos permitidas, informou a Agência Central de Notícias de Taiwan. Os responsáveis serão responsabilizados por perigo público e homicídio culposo, disse o prefeito Chou Chun-mi.

Não está claro o que causou o incêndio na sexta-feira, mas duas explosões no prédio já em chamas encurralaram bombeiros e trabalhadores sob os escombros. Quatro bombeiros estavam entre os nove que morreram. Mais de 100 outras pessoas ficaram feridas

Os peróxidos orgânicos, que são altamente inflamáveis, são usados em uma variedade de produtos de borracha, incluindo núcleos de bolas de golfe. A Launch Technologies é um dos maiores fabricantes mundiais de bolas de golfe, produzindo 20% do fornecimento global no ano passado.

A lei de Taiwan exige que os peróxidos orgânicos sejam armazenados em um armazém separado, mas a Launch Technologies manteve o material no primeiro andar do prédio da fábrica, disse Chou. Multas também foram aplicadas por um atraso de 20 minutos no relato do incêndio, pela falta de designação de uma pessoa responsável para ajudar o comandante dos bombeiros e pela falta de fornecimento de um inventário completo dos peróxidos orgânicos no local quando os bombeiros chegaram, disse ela.

A Launch Technologies, fundada em 2006, já foi multada antes. Desde 2018, a empresa foi multada em 200 mil novos dólares de Taiwan (R$ 30 mil) por violações de segurança e saúde e outros 300 mil novos dólares de Taiwan (R$ 46,2 mil) por condições de trabalho, de acordo com a Administração de Segurança e Saúde Ocupacional de Taiwan. A empresa também foi multada em 300 mil novos dólares de Taiwan por violações de poluição do ar em 2020, de acordo com seu relatório anual de 2021.

Em 2011, um tribunal ordenou que a Launch Technologies pagasse uma indemnização a cinco trabalhadores que tinham processado a empresa por trabalharem horas extraordinárias além do limite legal e em condições de poluição prejudiciais à sua saúde.

O gerente geral da empresa, Lu Ying-cheng, disse em entrevista coletiva no domingo que a Launch Technologies fez melhorias no ambiente de trabalho nos últimos anos. “O ritmo de melhoria não foi rápido o suficiente e continuaremos a analisar e melhorar a situação de acordo com os regulamentos”, disse Lu, de acordo com um comunicado publicado no site da Bolsa de Valores de Taiwan.

*Estadão Conteúdos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe

Assine Grátis!

spot_imgspot_img

Popular

Relacionandos
Artigos

Rihanna, Zuckerberg: Pré-casamento de herdeiro do homem mais rico da Ásia reúne ícones pop, titãs tech e mais

Chefes globais da tecnologia, titãs da indústria, estrelas de...

Na Celac, Lula cita ‘carnificina’ e propõe moção pelo fim do ‘genocídio’ em Gaza

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) propôs nesta sexta-feira...

Soroterapia vira hit nas redes com promessas milagrosas, mas médicos alertam para falta de evidências e riscos graves à saúde

Você já ouviu falar em soroterapia? A suplementação, administrada...