Mundial de basquete masculino: Brasil cai no grupo de atual campeão

Publicado em

Este conteúdo é apenas para assinantes

Inscreva-se para desbloquear este conteúdo. Digite seu e-mail para ter acesso.
Seu email está 100% seguro de spans.

A seleção masculina de basquete conheceu, neste sábado (29), os adversários na primeira fase da Copa do Mundo, que será disputada entre 25 de agosto e 10 de setembro. Os países escolhidos para o evento são Filipinas, Indonésia e Japão. O sorteio foi realizado pela Federação Internacional da modalidade (Fiba), em Manilla (Filipinas). Os brasileiros caíram no Grupo G, com sede em Jacarta (Indonésia), ao lado de Irã, Costa do Marfim e da atual campeã Espanha.

Os dois melhores times da chave passam de fase, levando os pontos somados e tendo pela frente – novamente em Jacarta – os dois classificados do Grupo H (Canadá, Letônia, Líbano e França). As duas campanhas mais positivas entre as quatro prosseguem às quartas de final.

Além de atual campeã, a Espanha lidera o ranking mundial da Fiba. O Brasil aparece na 13ª posição, sendo a terceira melhor seleção das Américas – atrás de Estados Unidos e Argentina – e a segunda mais bem posicionada entre as que figuram no Grupo G. O Irã ocupa o 22º posto (segundo melhor asiático), enquanto a Costa do Marfim é a 42ª colocada (e quinta da África). Na comparação com as equipes do Grupo H, os brasileiros são superados pela França (quinta do mundo), mas ficam à frente de Canadá (15º), Letônia (29º) e Líbano (43º).

“Nosso grupo é muito forte, com a Espanha, atual campeã, e dois países com o basquete em crescimento, a Costa do Marfim e o Irã. [Temos que] Pensar uma coisa de cada vez. Mas não temos que escolher. Estamos em um Mundial. Só os melhores times do mundo”, avaliou o técnico Gustavo de Conti, ao site da Confederação Brasileira de Basquete (CBB).

O Mundial servirá de classificação à Olimpíada de Paris (França), em 2024. O Brasil leva uma das vagas se terminar a competição como uma das duas melhores seleções das Américas. A briga é com EUA, Canadá, México, Porto Rico, República Dominicana e Venezuela. A Argentina, atual vice-campeã e que venceu os brasileiros na final da Copa América, disputada em Recife, no ano passado, ficou pelo caminho nas eliminatórias, superada pelos dominicanos.

O Brasil é bicampeão mundial de basquete masculino. Os títulos foram conquistados em 1959 (Chile) e 1963 (quando foi o país-sede), tendo ídolos como Wlamir Marques e Amaury Passos como protagonistas. A equipe brasileira é a única a nunca ficar fora da competição, realizada pela primeira vez em 1950, mas não vai ao pódio desde 1978 (Filipinas), quando acabou na terceira posição.

Próximos Mundiais

A Fiba também divulgou as sedes das próximas edições das Copas do Mundo feminina e masculina. O Mundial das mulheres, em 2026, será em Berlim (Alemanha), com 16 seleções. O dos homens, um ano depois, foi confirmado para Doha (Catar), novamente com 32 equipes.

*Agência Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe

Assine Grátis!

spot_imgspot_img

Popular

Relacionandos
Artigos

Jogador que levou chibatada de torcedor do Al-Hilal pode ser suspenso e pagar multa

O atacante Abderrazak Hamdallah, do Al-Ittihad, levou uma chibatada de...

Igreja Nossa Senhora de Fátima é invadida; ladrão furta celular e dinheiro

MANAUS – O Santuário de Nossa Senhora de Fátima,...
%d blogueiros gostam disto: