Pesquisadores criam método para reutilizar e reduzir CO2 na atmosfera

Publicado em

Um estudo conduzido por grupos do Centro de Desenvolvimento de Materiais Funcionais (CDMF) e do Centro de Inovação em Novas Energias (Cine) se dedica a encontrar alternativas inovadoras para combater o problema do aumento do dióxido de carbono (CO2) na atmosfera. Os pesquisadores buscam soluções que permitam a reutilização ou a conversão do gás em compostos químicos valiosos a fim de reduzir o impacto do efeito estufa no meio ambiente.

Para enfrentar o desafio, os cientistas do CDMF e CINE utilizam a natureza como fonte de inspiração, imitando processos naturais, como a fotossíntese. Por meio de estudos avançados, eles adicionaram pequenas quantidades de óxido de cobre a um semicondutor composto por vanadato de bismuto e óxido de bismuto.

Os resultados foram impressionantes, com diversos efeitos positivos na redução fotoquímica do CO2. O uso do óxido melhorou a transferência de carga, mitigou a recombinação de carga, aumentou a absorção de luz visível e promoveu a produção de acetona e metanol.

Transformando CO2 em produtos de valor

A pesquisa liderada por Lucia Mascaro, autora sênior do estudo e pesquisadora do CDMF e CINE, abre novas possibilidades para capturar o CO2 em grande quantidade, especialmente em setores industriais como a extração de petróleo ou a produção de aço e hidrogênio. 

O uso do fotocatalisador possibilita a transformação do CO2 em moléculas orgânicas valiosas, com potencial para se tornarem combustíveis ou outros produtos de grande valor agregado. Um exemplo é a acetona, amplamente utilizada em diversas indústrias, incluindo esmaltes, tintas, vernizes, fabricação de fármacos e explosivos, além de aplicações em sínteses químicas. 

O metanol também se destaca como solvente na indústria farmacêutica, combustível para veículos e aviões, matéria-prima para biodiesel e plásticos, bem como na extração de produtos de origem animal e vegetal.

Inovação e Sustentabilidade na Transformação do CO2

A pesquisa conduzida pelo CDMF e CINE destaca-se pela abordagem inovadora de combater a emissão de CO2, ao explorar estratégias que imitam processos naturais, como a fotossíntese. A possibilidade de transformar o CO2 em produtos de alto valor agrega benefícios econômicos e ambientais, contribuindo para a redução dos gases de efeito estufa na atmosfera. 

A iniciativa promissora pode trazer soluções sustentáveis para setores industriais intensivos em emissões de CO2, abrindo caminho para um futuro mais verde e consciente em relação ao meio ambiente. Com a busca contínua por inovação e sustentabilidade, os pesquisadores demonstram o potencial para transformar desafios ambientais em oportunidades de crescimento e desenvolvimento tecnológico.

Foto: Reprodução Ecoassist

*Metrópoles

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe

Assine Grátis!

spot_imgspot_img

Popular

Relacionandos
Artigos

Jokic ofusca LeBron, e Nuggets batem Lakers em primeiro duelo dos playoffs

O Denver Nuggets largou à frente e garantiu a...

Max Verstappen vence GP da China de F1 pela primeira vez

Depois de levar a melhor na corrida sprint do...

Câmara dos EUA dá 1 ano para TikTok ser vendido ou rede será banida

SÃO PAULO – Não foi só a um robusto...

Anvisa mantém proibição de cigarro eletrônico no País

BRASÍLIA – A diretoria colegiada da Agência Nacional de...
%d blogueiros gostam disto: