São Paulo pode quebrar tabus incômodos contra o Flamengo em final da Copa do Brasil

Publicado em

O São Paulo entra em campo neste domingo, 17, no Maracanã, para enfrentar o Flamengo pelo primeiro jogo da final da Copa do Brasil de 2023. O tricolor paulista, além de buscar o título inédito da competição, também pode dar fim a dois incômodos tabus que acumula contra o rubro-negro: o de sete jogos sem vencê-lo e o jejum de quase três anos sem um triunfo sobre o rival longe do Morumbi.

De 2021 para cá, o clube não tem tido sorte contra os cariocas. Antes do recente empate em 1 a 1 pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, em agosto, foram seis derrotas consecutivas. No Maracanã, palco do jogo deste domingo, a última vez que o São Paulo saiu ganhador foi em 2020, justamente na Copa do Brasil daquele ano, em jogo válido pelas semifinais. Para os supersticiosos, vale a “mística” do torneio.

A final deste ano será também a derradeira da “melhor de três”, já que o Flamengo levou a melhor em 2022, quando eles voltaram a se enfrentar na competição. Naquela ocasião, o rubro-negro venceu por 3 a 1 no Morumbi e 1 a 0 no Maracanã. Quando o São Paulo passou em 2020, também foi com duas vitórias: 2 a 1 no Maracanã e 3 a 0 no Morumbi.

Dorival Júnior, atual técnico do tricolor, era o técnico dos cariocas no último ano, e pode ser um fator determinante para o título inédito e a quebra dos tabus, já que grande parte do elenco flamenguista campeão sob seu comando jogará a decisão. E, apesar do treinador não enxergar o duelo como uma oportunidade de “vingança”, já que foi demitido no fim da temporada mesmo ganhando Copa do Brasil e Libertadores, esse reencontro é mais um tempero.

Flamengo e São Paulo entram em campo às 16h no horário de Brasília para a primeira partida da grande final. O jogo de volta está marcado para 24 de setembro, no mesmo horário, no Morumbi. Ambos os clubes foram eliminados de suas competições continentais e têm poucas chances no Brasileirão, ou seja, a Copa do Brasil pode ser a última chance de título para eles em 2023.

*Estadão Conteúdos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe

Assine Grátis!

spot_imgspot_img

Popular

Relacionandos
Artigos

Número de bebês registrados sem o nome do pai chegou a 172 mil em 2023 no Brasil, o maior em 7 anos

O Brasil registrou mais de 172 mil certidões de nascimento sem...

Caixa vê cenário complexo para captação em 2025 e quer buscar novas fontes

A Caixa Econômica Federal quer liderar as discussões do...

Criminosos invadem festa, incendiam local e matam rapaz com tiro no rosto

Um homem, de 34 anos, foi morto neste sábado...

Amazonas tem a maior alíquota de IPVA da história neste ano

s proprietários de veículos no Amazonas estão pagando meio...