Tite recusa oferta do Corinthians; diretoria parte para plano B

Publicado em

Este conteúdo é apenas para assinantes

Inscreva-se para desbloquear este conteúdo. Digite seu e-mail para ter acesso.
Seu email está 100% seguro de spans.

Não será dessa vez que Tite voltará ao Corinthians. Em conversa com a diretoria alvinegra, o treinador reforçou sua gratidão e carinho pelo clube, deixou aberta a possibilidade de retorno no futuro, mas voltou a falar que não deseja trabalhar no Brasil em 2023.

A conversa se concentrou nas ambições de Tite e no projeto desportivo do Corinthians. Nem sequer foi discutido valor de salário. Para ter o ídolo de volta, o Timão estava disposto a firmar um contrato longo, de até quatro temporadas.

O técnico ficou sabendo da mobilização nas redes sociais de parte da torcida corintiana pelo retorno dele e admitiu a pessoas próximas que é difícil dizer “não” ao clube. Porém, manteve-se firme na decisão de não assumir um clube brasileiro nesse momento.

Agora, o Corinthians parte para um plano B. A diretoria alvinegra já tem nomes no radar e espera avançar em negociação ainda nesta sexta-feira. Porém, a possibilidade de ter um novo comandante já no clássico contra o Palmeiras, no sábado, pelo Brasileirão, é remota.

Respiro

Tite já havia dito desde o ano passado que não gostaria de assumir nenhum clube no Brasil depois da Copa do Mundo do Catar. O treinador quer um “respiro” no mercado nacional e também mira uma oportunidade no exterior. O foco dele é a Europa, mas não está descartada uma volta ao Oriente Médio, onde ele trabalhou em duas oportunidades.

A distância do futebol brasileiro nesse momento também foi um pedido da família de Tite, em especial da mulher dele, Rosmari Bachi.

Segundo Gilmar Veloz, empresário do treinador, há expectativa de acerto com novo clube no próximo mês:

– Ele já demonstrou essa vontade publicamente e pediu para nós segurarmos. Realmente, teve muita coisa (de clubes brasileiros desde a Copa do Mundo). Acredito que no próximo mercado, no verão europeu, vamos ter alguma novidade, temos que aguardar. Faz parte do trabalho da gente o sigilo, não podemos divulgar, mas temos alguns interesses e, a partir de 15 de maio, vamos nos posicionar. Com certeza o Tite voltará a trabalhar na Europa ou em qualquer outro lugar – disse o agente, na última terça-feira.

*ge

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe

Assine Grátis!

spot_imgspot_img

Popular

Relacionandos
Artigos

Jogador que levou chibatada de torcedor do Al-Hilal pode ser suspenso e pagar multa

O atacante Abderrazak Hamdallah, do Al-Ittihad, levou uma chibatada de...

Igreja Nossa Senhora de Fátima é invadida; ladrão furta celular e dinheiro

MANAUS – O Santuário de Nossa Senhora de Fátima,...
%d blogueiros gostam disto: