Dólar e iene se fortalecem, em meio à busca por segurança por variante Delta

Publicado em

O dólar operou em alta ante a maioria de suas moedas rivais nesta segunda-feira, 19, mas recuou na comparação com o iene japonês, em meio à busca de investidores por ativos seguros. O clima de cautela nos mercados ocorre pela disseminação da variante delta do coronavírus, que ameaça a recuperação da economia global em 2021. Divisas de economias com alta dependência da exportação de commodities registraram fortes quedas, após a Organização dos Países Exportadores de Petróleo e aliados (Opep+) decidir aumentar sua oferta a partir de agosto.

O índice DXY, que mede a variação do dólar ante seis pares, avançava 0,17% às 17h17 (de Brasília), aos 92,843 pontos. No fim da tarde em Nova York, o euro recuava a US$ 1,1800, a libra depreciava a US$ 1,3666 e o dólar cedia a 109,50 ienes.

“Os mercados estão inquietos com a rápida disseminação da cepa delta”, segundo define o analista sênior Joe Manimbo, do Western Union, ao explicar a corrida por segurança que beneficiou dólar e iene hoje.

Líder técnica da resposta da Organização Mundial da Saúde (OMS) à pandemia de covid-19, Maria Van Kerkhove afirmou que a variante já circula em 111 países. Apesar de mais contagiosa, ainda não há indícios de que a delta provoque casos mais graves da doença, segundo disse a epidemiologista. Ainda assim, ela alertou para a sua presença em ambiente com mobilidade social, aglomerações e retirada de restrições.

A retirada nesta segunda-feira das restrições à atividade no Reino Unido não inspirou “confiança no investidor”, diz Manimbo, já que as infecções por covid-19 no país seguem em alta. Em coletiva de imprensa, o premiê Boris Johnson afirmou que o governo vai impor a vacinação aos britânicos que quiserem participar de grandes eventos e ir a ambientes aglomerados, como boates.

Contrariando o movimento de moedas desenvolvidas, o euro chegou a virar para o positivo no confronto ante o dólar hoje, em movimento que não se sustentou. Ainda assim, a divisa comum terminou o dia com desempenho melhor que o de outros pares. De qualquer forma, o Rabobank estima que o euro tem mais território para enfraquecer no futuro próximo, de olho na provável manutenção dos estímulos monetários pelo Banco Central Europeu (BCE), após reunião do comitê que termina nesta quinta-feira (22). No radar, também está a eleição para substituir Angela Merkel no cargo de chanceler da Alemanha, em setembro.

Também repercutiu no mercado cambial a decisão da Opep+ de aumentar sua produção em 400 mil barris por dia (bpd) mensais, a começar em agosto. A notícia contribuiu para que os contratos da commodity despencassem no mercado futuro, pesando sobre moedas de economias que exportam o óleo. Entre elas, o dólar se fortalecia a 1,2755 dólares canadenses, a 14,6109 rands sul-africanos e a 20,0876 pesos mexicanos.

*Estadão Conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe

Assine Grátis!

spot_imgspot_img

Popular

Relacionandos
Artigos

LeBron ou Jordan? Jogadores da NBA escolhem maior de todos os tempos

Quem é o melhor de todos os tempos da...

Festa com nudez e ‘simulação de sexo’ em Campinas ameaça vereadora do PT e fustiga aliado de Tarcísio

Uma festa promovida por um movimento cultural de apoio...

Seis cachorros são resgatados dentro de caixa em bagageiro de ônibus

Seis cachorros foram resgatados dentro de uma caixa no...

Justiça acata pedido da defesa e adia julgamento sobre júri popular do Caso Bruno e Dom

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) determinou,...
%d blogueiros gostam disto: