Chuva ameniza calor e fumaça em Manaus, mas qualidade do ar segue péssima em alguns bairros

Publicado em

Após passar três dias consecutivos totalmente encoberta por fumaça e semanas de calor intenso, Manaus sentiu um alívio nas temperaturas depois de uma forte chuva na madrugada deste sábado (14). Porém, o cenário cinzento causado pelas queimadas no interior do estado ainda modifica a paisagem na capital amazonense e a poluição do ar em alguns bairros preocupa a população.

“Depois de uma semana, consigo ver o Rio Negro da sacada do meu apartamento, o que era comum antes. Agora, o cheiro do ar está misturado, mas deu uma melhorada e consigo respirar com mais facilidade”, disse uma moradora de um condomínio na Avenida Coronel Teixeira, bairro Santo Agostinho, Zona Oeste da cidade.

Na quarta-feira (11), a capital do Amazonas ficou entre as cidades com pior qualidade do ar no mundo. Durante três dias, uma nuvem cinzenta cobriu prédios a pontos turísticos da cidade, como o Teatro Amazonas e a Ponte Rio Negro.

Apesar da fumaça ter se dissipado em algumas regiões da cidade neste sábado, os bairros Santo Agostinho e Compensa, na Zona Oeste de Manaus, seguem com a qualidade do ar péssima, segundo a plataforma Selva, que mede os níveis de poluição do ar.

Nos dois bairros – que são os que mais se aproximam da região metropolitana de Manaus, onde há os focos de queimadas – a plataforma Selva mede que os níveis de poluição do ar chegaram a 124.1µg/m3 (microgramas por metro cúbico).

Respirando fumaça

Fumaça de queimadas cobrem Manaus. — Foto: TV globo/Reprodução

Neste ano, a fumaça das queimadas passou a invadir Manaus desde agosto. O problema veio se agravando em setembro e ao longo dos primeiros dias de outubro.

Nesta semana, a fumaça pairou sobre a capital e não saiu mais. Desde quarta-feira (11), Manaus está encoberta pela poluição proveniente das queimadas que ocorrem em cidades próximas à capital e em outros municípios.

Na noite de quarta-feira, o superintendente do Ibama no Amazonas, Joel Araújo, disse que a “onda de fumaça” que encobre Manaus está vindo dos municípios do Careiro e Autazes e é causada por agropecuaristas.

“Essa fumaça vem dessa região e é provocada pelo uso inadequado do fogo em áreas de agropecuária e que se estendem para áreas de vegetação”, afirmou.

*g1/AM/FOTO: : TV globo/Reprodução

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe

Assine Grátis!

spot_imgspot_img

Popular

Relacionandos
Artigos

Famílias começam a retornar para prédio onde arsenal de coronel explodiu em Campinas

As famílias que moram no edifício Fênix, localizado na...

Rihanna, Zuckerberg: Pré-casamento de herdeiro do homem mais rico da Ásia reúne ícones pop, titãs tech e mais

Chefes globais da tecnologia, titãs da indústria, estrelas de...

Na Celac, Lula cita ‘carnificina’ e propõe moção pelo fim do ‘genocídio’ em Gaza

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) propôs nesta sexta-feira...